Gurdjieff

Gurdjieff
Quem é Gurdjieff?

sexta-feira, novembro 18, 2005

Fui Mórmom

Olha, em primeiro lugar, o que chama atenção em um blog é que o leitor deve começar a visualizá-lo de baixo para cima. Lembra a escrita hebraica e os antigos alfabetos, da esquerda para a direita. Voltando ao meu tema principal, eu já fui mórmom, sim Senhor. Naqueles tempos era obrigado a ler, além da Bíblia, o Livro de Mórmom e Doutrina e Convênios (D&C), afora a revista Liahona (a tal bússola que guiou a família de Lehi de Jerusalém aos EUA. Que viagem, meu Deus!).

Havia uma aura interessante em tudo aquilo, mas já estava entrando na adolescência e queria fazer várias coisas que igreja considerava pecados. Aliás, tudo era vedado a um mórmom. Beijar na boca, masturbar-se, ir a bailes (é claro que podia ir àqueles chatíssimos da Igreja), fumar, beber, tomar café, comer carne demais, tudo isto podia te mandar direto para o inferno, que existia e era liderado pelo CEO Lúcifer. E ainda tínhamos que nos casar com uma prendada moça mórmom, após um breve namoro onde carícias satânicas eram veementemente evitadas.

Aquela religião me deixava com medo de tudo. Tinha medo até dos meus pensamentos, pois quem não se lembra daquela passagem da Bíblia que nos manda arrancar o olho se cobiçarmos uma mulher, mesmo na mente. Eu vivia atemorizado, temendo o fogo do inferno e o Diabo. Rezava todos os dias segundo uma fórmula infalível (sempre começava com "Pai Celestial" e terminava com "em nome de vosso filho Jesus Cristo, amém"). Tudo aquilo de bom na vida era pecado. E para culminar, tinha de aceitar que os Estados Unidos eram o paraíso na terra enquanto Reagan invadia o Panamá e o Rambo matava aos borbotões no Afeganistão.

A religião mórmom ou, melhor dizendo, "A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias" tinha um quê de pitoresca, isto não posso negar. Não era cristã, em sentido estrito, pois admitia, ao lado da Bíblia, o "Livro de Mórmom", como revelação e palavra do Senhor. Para quem não sabe, esta clara farsa fora escrita pelo "Profeta" Joseph Smith, que plagiou um livro de aventuras da época. O "Livro de Mórmom" foi supostamente traduzido por Joseph Smith graças à revelação de um anjo. Preparado durante anos para sua tarefa, Smith encontrou as placas de ouro do "Profeta" Mórmom (um "nefita" que vivera milênios) e usando o urim e tumim (duas peças fabulosas que davam a quem as usava o dom das línguas) verteu-o para o inglês (o livro era escrito em uma língua desconhecida, com caracteres estranhíssimos).

O enredo do "Livro de Mórmom" de tão improvável soa anedótico, mas milhões de pessoas no mundo acreditam nele (os mórmons são maioria no Estado de Utah, EUA, por exemplo). Em linhas gerais, narra-se ali a história da descendência de Lehi e Néfi, que vieram até à América em um navio construído por ordem do Senhor, guiados por uma bússola miraculosa, a Liahona. Daquele núcleo original surgiu um povo que se dividiu em duas nações - nefitas e lamitas. Os nefitas eram bons e brancos, os lamanitas, maus e escuros. Ao final, as duas nações entram em guerra e ganham os lamanitas (negros), que são, na verdade, os atuais índios americanos.

Ninguém em sã consciência acreditaria nesta estória, mas, quando se tem dez anos, crê-se em tudo. E no dia em que me batizei na Igreja, mal sabia que começariam todos os meus atuais tormentos, que decorrem da influência nefasta daquele pensamento intolerante sobre o meu inconsciente. A religião introduz freios fortíssimos em nossa alma, torna-nos pessoas doentes, acabrunhadas por um perpétuo sentimento de culpa. Até hoje, sinto-me culpado quando bebo. Sinto-me culpado por sentir desejo. Apesar de não ser mais religioso, continuo a nutrir um medo tenebroso da morte. Afinal, está dentro de mim, arraigada no interior do meu ser, a idéia do inferno e das penas que lá me aguardam.

Mas continuo a não me sentir livre. Abandonei a religião e ainda sou religioso, no íntimo. Como dizia Philipp Carey (1) , deixei a religião mas conservei-lhe a ética. Cheguei à conclusão que ninguém se torna totalmente irreligioso. Pertencer à uma Igreja ou seita deixa marcas por toda a vida. E o pior: largá-la nos faz ansiar eternamente por algo mais, pois apesar de não existir, Deus era o único motivo de nossas vidas.

Notas:
(1) Personagem de Sommerset Maugham em "Servidão Humana".

56 comentários:

marcos disse...

SÓ QUERO TE DIZER, QUE TENHO PENA DE VC!!! E QUE VC NUNCA FOI MORMÓM, ENTÃO NÃO ABRA A BOCA PRA DIZER TAL FRASE.

SE VC NÃO CONCORDA COM A RELIGIÃO AINDA VAI, MAIS DAI DIFAMAR E INVENTAR MENTIRA ......... AI SIM VC ESTÁ PROCURANDO O INFERNO, E JA QUE NÃO TEM MEDO EU SEI QUE VAI ACHA-LO !!!

marcos disse...

SÓ QUERO TE DIZER, QUE TENHO PENA DE VC!!! E QUE VC NUNCA FOI MORMÓM, ENTÃO NÃO ABRA A BOCA PRA DIZER TAL FRASE.

SE VC NÃO CONCORDA COM A RELIGIÃO AINDA VAI, MAIS DAI DIFAMAR E INVENTAR MENTIRA ......... AI SIM VC ESTÁ PROCURANDO O INFERNO, E JA QUE NÃO TEM MEDO EU SEI QUE VAI ACHA-LO !!!

Marli disse...

Não conheço a Religião Mormom, mas concordo com você no que diz respeito aos medos e culpas que a educação religiosa nos impõem, não devia ser assim, não sei como seria se nossa educação não fosse religiosa. Sei que é um vício, não pertenço a nenhuma seita ou religião, mas sinto que falta algo. E tenho uma pequena filha que adora igrejas e chora para frequentar uma, me sinto desnorteada, já que a ela, queria dar a opção de ter um espírito livre.
Marli

Anônimo disse...

È uma pena meu amigo, eu pertenço a Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Ultimos dias, faz 16 anos que sou membro e en todo esse tempo nunca me obrigarom a nadao que eles fazen e dar recomendaçoes y VC deve uti8lizar seu livre arbitrio para escolher o que deve fazer. Ore muito meu irmao e pregunte a nosso Pai Celestial sem todas essas coisas são verdadeiras, caso VC, não receba resposta alguma só pode ser devido que nao esta orando com a fe necessaria. Abrazos Luis

ELAINE disse...

Elaine sou Mormóm a quase 10 anos
nunca me senti assim tenho livre arbitrio para fazer escolhas,e a minha vida depende das boas escolhas que eu fizer....

* Fê Ribeiro * disse...

Cada pessoa tem sua maneira de ver.
Muitas vezes temos que procurar não o que é conveniente para nós; mas sim, o que é bom para nós.
Apesar de muitos terem uma opinião, acredito que exista uma única só opinião que é verdadeira.

Como falaram anteriormente... cada um tem seu livre-arbítrio.
Se você já foi "mórmon" e não quis continuar porque tudo que adolescentes "normais" fazem.... é opinião sua.
E é de se ver quer você não quis continuar na Igreja pelo fato de não aceitar certos comportamentos.
Tudo bem!
Cada um tem seu ponto de vista.
Continue escrevendo no seu blog, aliás, é maravilhoso escrever.
Mas não fale de religiões, pode soar meio ruim.
Além do mais, existem muitas outras coisas a que se falar.
Mais interessantes até.
Um abraço.
:*

Anônimo disse...

Bom, eu queria dizer q sou mórmon há mais de dez anos(hoje tenho 17), e nunca fui obrigada a nada.É lamentável q existam pessoas como vc, q além de não se conformar em deixar de seguir o caminho de Deus, tenta confundir a cabeça de outras pessoas, e distorcer a imagem da igreja postando tal asneira.Como já foi dito aki, eu tbm tenho pena de vc meu amigo, é bom q vc sinta peso na consciência mesmo ao fazer coisas erradas. Cada vez me convenço mais de que quanto mais velhos, mais cabeça dura ficamos.Quando vc era criança era muito mais esperto, suponho. Que bom q existe o arrependimento,eu recomendo q vc não desperdice a oportunidade de se arrepender aki nessa vida. E tudo isso q vc chama de "coisas boas da vida" não passam de meras ilusões vãs e tolas. Como diz Alma(do livro de mórmon:...Iniqüidade nunca foi felicidade.Mas vc tem seu "livre arbítrio" que aliás é umas das coisas q mais se fala na religião mórmon, e q eu acho q vc não entendeu bem.
Como disse a Fê, continue escrevendo seu blog, mas procure falar de coisas mais proveitosas e verídicas ;)

Anônimo disse...

E Marli, o q significa espírito livre para vc?? Acho q não dxar sua filha escolher uma religiãom para seguir, não tem nada haver com liberdade, pense nisso, vc não ker ser culpada pelo q pode acontecer com ela, ker?? Deixe q ela escolha e exerça seu livre arbítrio. ;)
fui eu quem escreveu o comentário de cima tbm,
Jéssica.

Anônimo disse...

Vejam só. Livre arbítrio significa liberdade de escolha. Porém, no mormonismo ensinam-nos sobre ele, porém põem freios (do medo) em nós. Resumindo, sabemos que há, mas não podemos usar. Por isso deixei a Igreja e a religião q fiquei por 12 anos. Eu tive coragem de dizer CHEGA!!

Anônimo disse...

jà fui enganado por mormons, eles abrem uma "igreja" em sua casa usam e abusam de voce no seu sub-consciente e após sugarem tudo o que vc tem te abandonam. Estou postando isto porque aconteceu comigo. Acontece que é algo tão misterioso que acaba nos fascinando, é como se algo além do possivel acontessecem diante dos seus olhos e vc não se dá conta, apenas eles sabem.
Ficaram sequelas que nunca mais vou esquecer e infelizmente lá no fundo às vezes tenho vontade de me converter à religião deles para me vingar fazendo o mesmo aos outros, mas graças a Deus penso duas vezes e deixo que a justiça seja feita por Ele.

*Fêfah Ribeiro* disse...

Ok. se tudo é mentira.. pq continuam dando atenção á isso?
perseguindo?
acho que porque tudo é verdade.

Dizem que não existe Deus, mas escrevem mil livros sobre ele, afirmando que Ele não existe. Mas se tudo é mentira... pq continuar dando atenção? Ah, cada pessoa tem sua maneira de pensar.
A verdade é um ponto de vista. Em casos. Em relação ao nosso destino eterno, só existe uma verdade.

ou vc acha que não tem um propósito de vc estar aqui? seria uma história bem triste. --**

e quanto aos que falam em "lavagem cerebral"... Nunca nem entenderam nada. Sentiram que tudo que os missionários falam é verdade, mas não exercem a humildade pra aceitar e aceitam as criticas dos outros. eu mesma quando era membro novo, me falaram muitas coisas ruins sobre a Igreja, mas em vezes de acreditar diretamente e ser um ser humano ALIENADO, que só acredita no que o povo fala... eu fui pesquisar por mim mesma.
e o mais importante: recorri à Deus.

pq é tão difícil de entender?
quem acredita em Deus, e pede uma resposta, recebe. E até aqueles que negam sua existência são tocados pelo Espírito. eu sei disso. pq eu vivi isso. agora, se pessoas não viveram. sinto muito.
há algo errado, mas ainda há tempo.

P.S.: AS PESSOAS QUE FALAM QUE O LIVRE-ARBÍTRIO NÃO É USADO NA IGREJA, SEM DÚVIDA, SÃO PESSOAS QUE NÃO TINHAM DISPOSIÇÃO EM GUARDAR O MÍNIMO DOS MANDAMENTOS QUE TEM NA BÍBLIA. POR ISSO DIZEM QUE, "TEM MAS NÃO SE USA".
Pq as pessoas aconselham tanto que eles se sentem pressionados. Mas não entendem que pessoas são imperfeitas. A IGREJA É PERFEITA, OS MEMBROS NÃO. INCLUSIVE EU.

beijos.
Fernanda Ribeiro

*Fêfah Ribeiro* disse...

Ah, e àqueles que são SUD... não digam que sentem pena daqueles que não acreditam no sabemos que são verdades vindas do próprio Deus.
Sintam amor, que é o que o Salvador sente por cada um de Seus irmãos. E tentem ajudar.

Pena é o sentimento mais desprezível.
**

José R Donato disse...

Rezava todos os dias segundo uma fórmula infalível (sempre começava com "Pai Celestial" e terminava com "em nome de vosso filho Jesus Cristo, amém").

Não existe “rezar” na doutrina, e nem tampouco nas práticas da Igreja de Jesus Cristo Dos SUD.

E para culminar, tinha de aceitar que os Estados Unidos eram o paraíso na terra enquanto Reagan invadia o Panamá e o Rambo matava aos borbotões no Afeganistão.

Eu também condeno o colonialismo, o imperialismo, a hegemonia do primeiro mundo, sobretudo dos EUA. Assim como detesto o belicismo de todas as correntes ideológicas. Ninguém é santo nesta história.
Em quase 40 anos de freqüência assídua na Igreja JAMAIS ouvi alguém pregar esta bobagem, de que exista o paraíso na Terra, muito menos que seja determinado país.

Não era cristã, em sentido estrito, pois admitia, ao lado da Bíblia, o "Livro de Mórmom", como revelação e palavra do Senhor.

Esta afirmação fica totalmente sem sentido, pois a Bíblia não encerra em si todo o conteúdo da Doutrina de Jesus Cristo.
No sentido estrito do termo, a aceitação da Bíblia não é garantia de ser cristão. Aliás, o Novo Testamento, base da doutrina cristã, sequer estava escrito, no inicio da “era Cristã”, se assim podemos dizer.

O conteúdo do Velho Testamento, escrito basicamente por Judeus, contem relatos anteriores ao Judaísmo, como as duas primeiras dispensações, as dos Patriarcas Adão e Noé, e nem por isto deixa de ser um livro sagrado para as futuras gerações judaicas, partindo de Abraão.
Não há contradição em uma dispensação do Evangelho, usar como literatura sacra, os escritos revelados a Profetas e Patriarcas de gerações anteriores.

Mas continuo a não me sentir livre. Abandonei a religião e ainda sou religioso, no íntimo. Como dizia Philipp Carey (1) , deixei a religião mas conservei-lhe a ética. Cheguei à conclusão que ninguém se torna totalmente irreligioso. Pertencer à uma Igreja ou seita deixa marcas por toda a vida. E o pior: largá-la nos faz ansiar eternamente por algo mais, pois apesar de não existir, Deus era o único motivo de nossas vidas.

Puxa, neste ponto acho que posso dizer que o entendo um pouco. Ao reconhecer o valor dos princípios morais e éticos que “herdou” de sua participação na Igreja, vejo em você um irmão, sua luta interior para sobrepujar seu maior inimigo: você mesmo! Quanto a liberdade, o livre arbítrio é o pilar que sustenta esta Igreja! Para ser mais completo, sem o principio do livre arbítrio, sequer a vida existiria da forma como a conhecemos neste planeta.

Mas não se iluda, o Deus existe, mas não age conforme o imaginário popular. A cultura de nossa civilização cristã-judaica-ocidental banalizou a figura Divina.
Se, por um lado, Ele não pode jamais ser o Ser Leniente que o Ocidente difunde, não pode também ser o Ser Impiedoso como apregoam algumas civilizações orientais.
Ele é acima de tudo Nosso Pai. Não um Paizão, à moda brasileira, que tudo desculpa, e contribui para criar filhos fracos de caráter.
Mas um Pai Amoroso, que anseia por um relacionamento conosco.
Relacionamento pessoal.
E, a melhor versão que conheço, é a pregada pela Igreja.
Não reconhecemos intermediários. Recomendamos sempre que cada filho de Deus o procure pessoalmente.
Os princípios da fé mórmon foram “instaladas” em você na vida pré-mortal. Fé, humildade, amor fraternal, obediência ao Pai, paciência, perseverança.
Não se trata de obscurantismos, religião de resultado, promessas de vida melhor em mundos vindouros X submissão e decadência nesta vida. Tudo isto é invenção dos homem e suas filosofias.
O Plano do Pai Celestial para os seus filhos é belíssimo. Requer uma vida de práticas cristãs para ser totalmente compreendido e incorporado.
Não creio que uma breve passagem juvenil consiga mostrar o panorama completo, você viu um pouco, do pouco que passou pela sua frente.
Um grande abraço.
Seu irmão
José R Donato

paula disse...

Faz pouco tempo que faço parte da familia SUD e nunca vi nada de obscurantismo...muito ao contrário eu encontrei a luz que eu estava procurando a muito tempo...aprendi verdades eternas que jamais irei esquecer...Sou grata ao pai celestial porque sei que não vou morrer mais na ignorância.

paula disse...

Faz pouco tempo que faço parte da familia SUD e nunca vi nada de obscurantismo...muito ao contrário eu encontrei a luz que eu estava procurando a muito tempo...aprendi verdades eternas que jamais irei esquecer...Sou grata ao pai celestial porque sei que não vou morrer mais na ignorância.

Raquel disse...

é lamentével que diga isto e afirme todas as coisas ...sendo que não tem certeza se é ou não verdadeira...
Tenho pouco tempo nesta religião (2 amos), mas tempo suficiente para saber o quão importante é ter Deus em nossa vidas.Tudo o que vc faz na sua vida é de livre escolha...cada um é cada um...a igreja tem regras segue quem quer....
Deixo aqui meu testemunho...que a cada dia mais o senhor fala comigo de formas diferentes...e so=ó de entrar na igreja vc ja sente algo inexplicavel....uma paz muito grande...
Que ainda esteja em tempo para vc se arrepender...as vezes a vida ta boa pra vc...mas quando a casa cair ai que vc sentira a falta do senhor em sua vida...
Fique com Deus...
Raquel♥

Reginaldo_ disse...

oi

Reginaldo_ disse...

Me admira pessoas com um nivel intelectual avançado acreditar numas balelas fanaticas desacentuadas por uma religião como os Mormom. Como que eu posso acreditar numa religião que acredita que os EUA é o paraizo que Joseph Esmitt Recebeu uma vizão de um anjo para esconder umas tabas de mandamentos, devem serem loucos com serteza a biblia diz que, Ainda que dessa um anjo do céu pregando outro evangelho que não seja esse a quem ele ja tem anunciado que seja antema, ou seja maldito. gentem não existe outro nome pelo qual importa que sejamos salvos é so Jesus o Cristo, e se vc qu3e se diz mormom não aceitar a cristo como salvador de suas vidas a vida de vcs estara por um fio .

Leo Frobenius disse...

Gostaria de pedir desculpas aos amigos mas além de andar afastado desse blog por motivos de trabalho também não recebo e-mails notificando-me das postagens que são feitas aqui. Lamento ter desagradado a alguns mas apenas postei minha experiência pessoal com a religão SUD pois fui batizado por imposição de minha mãe bem jovem - ao menos na fé católica somos batizados crianças e depois podemos deixar aquilo tudo para lá. Não foi minha intenção ofender a religião e se alguns partem de pressupostos unilaterais e avessos à discussão aqui não há porque perder tempo questionando suas verdades. Sejam felizes com o que lhes aprouver, parto desse pressuposto.
Sinto com relação ao mormonismo o mesmo que um amigo disse mais acima: é sufocante e me fazia crer o tempo todo que os EUA eram o paraíso na terra, mesmo com o Reagan matando o mundo todo e o Brasil penando em uma profunda crise econômica. Me lembro que Arthur Conan Doyle em seu livro "Um Estudo em Vermelho" foi um dos primeiros intelectuais do mundo a nos alertar sobre coisas que não andavam tão bem sob a tutela mórmom em seu próprio Estado americano... Bem, continuemos o debate!

Anônimo disse...

meu amigo voce interpreta tudo mal lamento muito por voce.ser mormom e ser feliz......

Leo Frobenius disse...

Ah sim, desde que você considera que seu objetivo na vida é ser feliz. A mim pouco importa a minha própria felicidade se os outros nao o são, então talvez aí resida a diferença...

Anônimo disse...

Ah, vocês viram hoje que já tem gente nos EUA querendo ganhar dinheiro com a expertise de ex-missionários mórmons para vender coisas. Putz, que coisa...

Anônimo disse...

VC NUNCA FOI MORMÓM SE VC NÃO CONCORDA COM A RELIGIÃO AINDA VAI, MAIS DAI DIFAMAR E INVENTAR MENTIRA ...
Faz pouco tempo que faço parte da familia SUD e muito ao contrário eu encontrei a luz que eu estava procurando a muito tempo...aprendi verdades eternas que jamais irei esquecer...
e nunca me senti assim tenho livre arbitrio para fazer escolhas,e a minha vida depende das boas escolhas que eu fizer....

Leo Frobenius disse...

Opa anônimo! Noto que o mormonismo pouco contribuiu para aumentar sua cultura ou aprimorar sua escrita. Também percebo que o seu estilo é bastante "espiritual" mesmo...
Não sei por que razão um simples desabafo em um blog tão obscuro desperta tantas reações entre os mórmons. Lê quem quer. Você também tem o direito de pertencer à religião que desejar. O problema é seu. Se o que digo lhe incomoda, não leia o blog. O que percebo é que ou você é bem jovem - o que explicaria seu comportamento - ou extremamente burro, o que não quero crer. Também há a possibilidade de que desconfie das "verdades" que a SEITA (Mormonismo não é conceitualmente RELIGIÃO mas MERA SEITA, NÂO CRISTÃ) está incutindo na sua cabeça. È tudo muito absurdo e bizarro e você no fundo desconfia disso.
Bem. Continue sua pesquisa, ore a Deus mas, se possível, consulte as milhares de fontes neste mundo que comprovam a falácia do mormonismo.
Abraços,
Leo

Leo Frobenius disse...

Hà Raquel, não precisa praguejar. A casa não vai cair para mim. Vivo muito bem, possuo diversos bens e bastante dinheiro na minha conta bancária, além de um emprego rentável e estável. Apenas preciso conseguir uma mulher fixa pois sou bastante exigente. Outra coisa, felizmente minha cultura é invejável. Se houvesse permanecido mórmon talvez só pudesse repetir a eterna ladainha do "Livro de Mórmon" ou "DC", entoando os cânticos chatíssimos daqueles hinários gastos e me entretando com as reportagens "estimulanres" da Liahona.
HAHAHAHA!

Leo Frobenius disse...

José Donato, será que você abriu mão totalmente da sua capacidade de crítica e auto-crítica? Não percebe que está em algo absurdo com um passado de fraudes e mortes? Será que você desconhece a história de sua própria organização? Já ouviu falar do preconceito monstruoso delas contra os negros? Já ouviu falar dos "casamentos plurais", esta aberração da idade moderna (ainda praticada por certa seita mórmon que se diz autêntica) e que só servia para satisfazer os apetites sexuais de alguns "líderes"? Já ouviu falar do Estado ditatorial mórmom em Nauvoo e também em Salt Lake City nos seus tempos áureos?
Pergunto-me se as lideranças de vocês se sentiram confortáveis com a eleição de Obama...
Bem, estou feliz com os resultados desse "post". Um simples desabafo despertou tanta raiva nos SUD que pretendo dar continuidade a ele...

Anônimo disse...

Eu já fui na igreja mórmoon e sempre diziam que era a que mais estava crescendo no mundo mas as pessoas ficam lá um pouco, acham absurdo e vão embora

Anônimo disse...

Espero que um dia todos vocvês possam se arrepender de seus pecados e voltarem para o lado de nosso Pai Celeste. Ele ainda está esperando por vocês!

Anônimo disse...

Háháhá...

Anônimo disse...

Carissimo, lhe digo o seguinte não devemos falar de religiao nenhuma, porque a verdade pertence a DEUS, o que devemos fazer é viver pela fé, só isso, estou me preparando para ser batizada pelo meu noivo que é SUD, espero que vc encontre a felicidade também. um abraço Luciana

marcelo disse...

Meu caro, como que obrigavam a ler tais livros? Vc era amarrado e algum robô passava enfrente aos seus olhos (os quais deviam estar presos com esparadrapo para se manterem abertos)as páginas de tais livros ? Amarravam sua mãos para que não se masturbace ? Tampavam sua boca para que não beijasse ? Ou vc seguia a orientações por sua livre e expontanea vontade ? Se não mais concordava com tais orientaçoes, ótimo sigas sua vida e obtenha as consequencias dos seus próprios atos e depois não culpe ninguém muito menos a Deus pelas consequencias recebidas, seja homem e assuma suas decições sem se acovardar e culpar alguem ou alguma religião... Não sou mórmon, mas buscarei saber mais sobre eles, pois gostaria que meus filhos tenham orientaçoes que os ajudem a se previnirem de riscos como AIDS, Efisemas Pulmonares, alcoolismo, etc.... Atuo na área da saúde e tudo que vc sitou como proibições são orientações que dou a meus pacientes para terem mais saúde. Pena que vc abandonou esta religião... Ah, mesmo assim, muito obrigado pelo que escreveu, pois dispertou minha curiosidade em conhecer uma religião com principios tão saudaveis.

Anônimo disse...

Marcelo, vc deve ser mais um mórmom viadinho, estou enganando? Se casou e usa seu garment enquanto a esposa selada no templo enfia um vibrador no teu cu? Se quiser ne dá o telefone de vocês que como ela todinha na tua frente e ainda te deixo dar uma mamadinha...
PS: Vc NÃO É MÉDICO PN. É um cara fracassado!
LOOSER!!!

Anônimo disse...

Marcelo,
Deve ser um "médico" muito bom mesmo... Bem, falou área de saúde, talvez um diplominha por correspondência em primeiros socorros...

"Sitou", hahahaha....
S O C O R R O!!!!

A N A L F A B E T O!!!!

Anônimo disse...

Dispertou...

HAHAHAHAH....
É BURRO MESMO...

Anônimo disse...

Luciana.
O seu noivo é SUD? Parabens. Estuda um pouco q. vc vai ver que na religião dos SUD um marido pode repudiar a mulher a vontade pq. é uma religião machista. quando vc estiver bem velhinha ele vai te trocar por uma donzela SUD mais nova e vc. vai ficar chupando dedo.

Anônimo disse...

vc numca foi mormom pq se vc tivesse lido as escritura saberia que isso tudo que vc falo é mentira ou vc é fraco e não consegue seguir a palavra de DEUS

Srº & Srª Cruz disse...

acredito que uma pessoa que sai defamando uma religião seja ela qual for, não pode ser considerada boa do juízo, pois se vc sabe que aquilo não é correto que a religião não é correta, abandone-a e procure uma outra seja qualquer uma, porém que vc se sinta bem aí sim vc será imensamente feliz.

Anônimo disse...

Mormonismo é uma SEITA não religião, portanto o Leo De Hartman está falando de uma SEITA, não religião.

Anônimo disse...

"defamando"...
Outro burro ANALFABETO e MÒRMON...

Anônimo disse...

Bom acho que vc estava entendendo tudo errado não era a igreja ou ser mormom que proibe fazer isso ou aquilo isso ta escrito na biblia se vc acha que se masturbar beber fumar é legal então vc não tem DEUS em seu coração e ta deixando o inimigo tomar conta de vc sei que a adolescência é um periodo que queremos esperimentar de tudo mas vc deve ter cuidado pois tudoisso é só ilusão
quanto a igraja ser pitoresca ou sei la como vc na sua imaginação estava vendo isso é da sua cabeça e se vc se sentia assim é pq não tinha achado seu lugar na verdade vc não é da igreja e nem de outra pois tudo que vc acha de errado nessa tbm tem em outra pois são palavras do Senhor e que cada religião passa do seu jeito para os fieis acho que vc só ta tentando falar mau da religião e não que vc tenha sido um menbro dela tente ocupar seu tempo lendo a biblia para que o inimigo saia e vc pelomenos tenha paz no coração vlw....

Anônimo disse...

Cara com esse nome até eu ficaria assim ve se muda esse nome primeiro quem sabe rsrsrsrsrsrsrs

Anônimo disse...

o mormonismo é uma SEITA MALDITA pq. considera um livro diabólico escrito pelo DIABO e o seu falso profeta a BESTA JOSEPH SMITH recebia instruções diretamente dos demônios. Eu sou cristão e crente e sabemos que os mórmons são menbros de uma seita satânica e cruel. Que o SENHOR tenha piedade dos mórmons.

Anônimo disse...

é a Igreja Catolica foi criada por Cosntatino
as outras sairam da Católica, a Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Ultimos Dias não saiu de ninguem então só pode ter uma Igreja Verdadeira ou a católica ou os mormons, as outras são só decidentes da Católica,Na Católica o Clero é remunerado, nas outras tembém, na mormom não tem clero remunerado

Erley disse...

Boa noite,

Meu caro eu também servi a esta religião por um longo período. Me identifiquei muito com o quê você escreveu, realmente as religiões como um todo impõem um conjunto de normas e princípios, para identificar um determinado grupo, seja pela roupa, pela privação de determinadas substâncias ou pela forma de servir a igreja através de uma obra missionária (no caso dos mórmons 2 anos, após os 19 anos de idade). Mas o que poucos sabem que esse conjunto de normas e princípios em sua grande maioria não estão pautadas na bíblia que não é apenas um conjunto de princípios e normas para viver em sociedade ( um manual) mas é um testamento deixado por um Deus vivo que vai além de qualquer religião ou denominação. Chamo a você a questionar sobre isso....

Gostaria muito de podermos conversar mais...
entre no meu site: www.geraweb.net/aguaviva

Verá que não se trata de nenhuma denominação ou um grupo como tantos outros, pode entrar em contato pelo meu email que está no site, para mais informações..

Um abraço

Anônimo disse...

Não concordo com algumas coisas ditas no artigo mas vejo o mormonismo como uma seita não-cristã porque não reconhecer integralmente as Sagradas Escrituras mas adota livros falsos escritos por homens. O mormonismo só pode induzir ao erro e aqueles que têm ciência disso conduzidos ao INFERNO.

denyze oquendo disse...

OLÁ LÉO COMO VAI!!! NOSSA VC DESCREVEU UM SENTIMENTO Q ATÉ HOJE ME PERGUNTO COMO FOI POSSIVEL UMA PESSOA COM EU SE DEIXAR PASSAR POR UMA LAVAGEM CELEBRAL, POR É ISSO O QUE ELES FAZEM COM AS PESSOAS. TINHA UMA VIDA CHEIA DE AMIGOS E MUITAS BALADAS.. ATE OS PRIMEIROS ELDERES IREM A MINHA CASA... ME BATIZEI ESSE ANO EM MARÇO.. E DEPOIS DE UM TEMPO VC VÊ QUE NÃO É NADA DAQUILO... AS PESSOA O PROPRIO LIVRO... SAI DA IGREJA JA TEM UNS 3 MESES E FIQUEI COM ESSE SENTIMENTE DE IR PRA INFERNO COM MINHA DECISÃO. POR ISSO HOJE AINDA RECEBO OS ELDERES EM MINHA CASA MAS NO INTUITO DE PODER COMPREENDER UM POUCO MAIS O LIVRO... ELES TNTAN ME COVENSER EM VOLTAR PARA IGREJA MAS DISCE QUE SO VOLTO DEPOIS Q EU CONSEGUIR AS RESPOSTAS QUE PROCURO... POR ISSO COMESEI A PESQUISAR SOBRE O POVO DE NÉFI.. E ATÉ AGORA NÃO CONSEGUI ASSOCIAR NADA DO QUE COSEGUI COM ESSE POVO HISTORICAMENTE E ARQUIOLÓGICAMENTE FALANDO DO ASSUNTO... EU PENSO SE OS DINOSSAUROS QUE VIVERAM HÁ 2 MILHÕES ANOS ATRAS DEIXARAM RASTRO POR AQUI POR ESSE POVO TAMBEM NÃO DEIXARIA... ESPERO QUE VC POSSA ME AJUDAR COM ALGUMA COISA QUALQUER MATERIAL Q EU POSSA PESQUISAR ESSE É MEU EMAIL DENYZE2010@GMAIL.COM OU DENYZEOQUENDO@HOTMAIL.COM OBRIGADO

BOA NOITE LÉO UM ABRÇO DENYZE = )

Anônimo disse...

E TEM OUTRA A VERDADEIRA RELIGIÃO NÃO ESTÁ NA TERRA... SE VC QUE É MORMOM ACREDITA NISSO PESA EM ORAÇÃO E SABERA A REPOSTA VERDADEIRA MAS SO SE VC TIVER DUVIDAS POR Q SE VC FOR ALIENADO COM ELES SEU CELEBRO SO VAI TE INFORMAR AQUILO Q VC JA CREDITA, E NÃO A VERDADEIRA RESPOSTA DE DEUS... E ANTES DE SE BATIZAREM PROCURAM SABER MAIS...

Anônimo disse...

vc nunca deixou de sser mormon apenas
quer seguir sua propria vontade,mas sabe onde esta
a verdade,porisso nao consegue desprender-se dela
sou sud e nunca me arrependi,afinal somos mais
felizes fazendo a vontade do pai já que devemos toda nossa vida a ele um grande abraço e esperamos
por vc numa capela mais proxima de vc.

Anônimo disse...

Denise, você não encontrará nada sobre o "povo de Néfi" porque ele jamais existiu. O livro como um todo é uma obra de ficção ou resultado de delírios. Não há qualquer comprovação histórica de nenhuma de suas passagens, que são absurdas. Há em "Doutrina e Convênios"- que contém "Pérolas de Grande Valor" -outra "escritura" mórmom uma tradução errada de um papiro atribuído a Abraão, salvo engano.
Abraços,
Leo

Anônimo disse...

Eu estou namorando com um rapaz que é mórmon, eu sou evangélica e não acredito em nada do que os mórmons pregam. Ele vai pra missão daqui 3 meses eu estou arrasada e estou fazendo o possivel para q ele saia dessa igreja mais esta dificil :(

maria rodrigues disse...

Vira e mexe os assuntos dos antimormons é pautada nos mesmos aspectos, levantam sempre as mesmas mentiras de que tentam convencer os menos preparados. Na verdade quem esta por detras de tudo isto é o diabo, pois incita as mentes fracas de homens que se dizem doutores e que sabem de tudo, escreve livros e tem uma forma de persuadir aos inocentes com suas justificativas pessoais e nada fundamentado dentro da verdade. Seguem os velhos e antigos comentários de depoimentos, de jornais, documentos falsos, boletins, testemunhos hereticos, e muita forma de falsos julgamentos. Mal sabem est4s lideres das mais diversas denominações de que ele estão comunados com i inimigo, o pai de todas as mentiras, e sem perceber agindo como anticristos, tão cegos e surdos que esquecem de raciocinar. Seguem o que tudo que é conversa, e acima de tudo ficam criando seminarios, cursos dentro de sua igrejas pra falarem mal da igrejas, apenas pra justificar que a sua é que é a certa. DIzem que só ele que leem a biblia é serão salvos, qdo se sabe de que Deus tem suas exigencias pelos convenios, ordenanças e principios verdadeiros, e a igreja dos SUDs tem este caminho, mas não se garante que todo mormos será tb salvo, as exigencias e o caminho realmente é muito apertado, por isto muito se afastam e pecam ou transgridem, e daí ficam colocando a culpa na igreja pelas suas faltas e omissões em não serem persistentes ou perseverantes. Que coisa triste, muitos ainda se safam qdo leem estes depoimentos e se justificam achando que a igreja é a culpadas deles não seguirem os principios certos.Os membros são imperfeitos, mas os principios são perfeitos

Bonny Girl disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

Não existe outro Deus,nem outra Bíblia. Se ninguém crer nessas palavras procurem se aprofundar mais no assunto.é melhor do que discutir religião. Pesquisem,lêem mais a Bíblia. Ela sim,lhe dará a resposta pra esses assuntos.tenham a certeza!!!

Anônimo disse...

Todos os mórmon tem esse mesmo discurso, vocês estão alienados e não percebem

* Nandáh Ribeiro ~ disse...

Kkkkkkk não sou mais Mormon

Alex Navas disse...

Adorei